quarta-feira, 18 de abril de 2012

Germano Almeida convida brasileiros a conhecer a produção literária de Cabo Verde

'Em termos de literatura, produzimos bastante e já há muitos jovens escrevendo textos agradáveis e alegres. Há um núcleo comum que nos identifica a todos e faz nos sentirmos e nos reconhecermos como cabo-verdianos', estes foram alguns dos argumentos usados por Germano Almeida para convencer os brasileiros que Cabo Verde tem não só uma literatura com características próprias, mas 'toda a ciência da qual somos extremamente orgulhosos'.
Germano Almeida esteve presente no seminário A Literatura Africana Contemporânea que integra a programação da 1ª Bienal Brasil do Livro e da Leitura em Brasília, capital do Brasil. Almeida é um dos maiores expoentes da nossa literatura mas no Brasil é pouco conhecido, mas isso não o impediu de convidar os brasileiros a conhecer a literatura do arquipélago.