segunda-feira, 30 de julho de 2012

Bairro vence nacional com muita polémica

O Campeonato arrancou no dia 26 com cinco equipas em prova: Académica do Mindelo, Porto Novo Basket, Seven Star's, Preguiça e Bairro.


Na primeira fase não jogaram todos contra todos e o Bairro não fez nenhum jogo:
Dia 26
Académica do Mindelo 68:45 Porto Novo basket
Dia 27
Seven Star's 59:52 Académica do Mindelo
Preguiça 85:53 Porto Novo Basket

Se não viu bem saiba que o Porto Novo Basket não jogou com o Seven Star's, a Académica do Mindelo não defrontou a Preguiça e esta fez apenas um jogo na primeira fase. Confuso? Pois vamos as meias finais onde estiveram Preguiça, Seven, Bairro e Académica do Mindelo. O Bairro não jogou com a Preguiça (como estava prevista) por "problemas na ligação aérea" o que impossibilitou a ida da equipa ao Sal naquele dia.


Passado a 1ª fase vamos as meias finais onde a Preguiça venceu o Seven Star's por 63:61 e o Bairro venceu por 83:63 a Académica e assim foram para a final Bairro e Preguiça.

O cartaz acima foi uma forma de protesto dos salenses contra a equipa do Bairro que utilizou jogadores profissionais (que jogam em Portugal e Angola), Ivan e Joel, no nacional. Os mesmos adeptos estavam tensos e revoltados o que levou-os a assobiar e criticar sempre que Ivan e Joel pegavam na bola.

O intervalo do jogo teve a duração de meia hora porque os árbitros alem de serem insultados foram ameaçados. Após muitos cestos, ressaltos e faltas e um jogo "bedjo" a equipa campeã de Santiago Sul venceu a Preguiça por 89:80 tornando-se campeã nacional.

Mais informações sobre o nacional de basquetebol visite o Nha Terra