terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Cabo-verdianos da cidade de Viseu quase são calados por festejarem

Após o episódio da bandeira de Cabo Verde na varanda em Braga eis que chega mais uma historia desta feita em Viseu.

A historia é contada por Tubarão (muitos crioulos já mudaram o nome no facebook para homenagear os Tubarões Azuis) Alves.


O jovem postou uma foto de um Ciber Café no Facebook contando o que se passou e mostrando a sua indigniçao: O local chama-se Quinta do Galo e é um bar/café muito frequentado pelos cabo-verdianos de Viseu, um espaço onde eles se reúnem para conviver e principalmente ver a bola. No dia do jogo contra o Marrocos quase que os adeptos crioulos não podia falar porque estava uma menina a estudar (num bar/café). 

Contra Angola não lhes disseram para não fazer barulho mas sim viram a televisão ficar sem sinal onde segundo fontes foi a única TV daquela cidade a ficar sem sinal o que fez com que o livro de reclamações enchesse de reclamações porque alguns previam que isso iria acontecer.

Como Cabo Verde passou de fase a festa foi para as ruas por volta das 19:00 com três carros e cerca de 50 pessoas a festejaram a passagem de Cabo Verde eis que chega um carro patrulha da PSP não com o intuito de se juntar a festa mas sim porque receberam uma chamada dizendo que haviam distúrbios naquele local. 

As pessoas que estavam no local tiveram de explicar o porque do barulho a PSP a policia foi-se embora do local permitindo a continuação da festa que não aconteceu por já não ter mas espírito de festa.